sábado, 12 de abril de 2008

Impressoes Gerais - Porto Maldonado


Cheguei ontem de tarde em Porto Maldonado, cidade incrìvel e em plena transformacao. Estive aqui a primeira vez filmando o documentario sobre a Iniciativa MAP e agora estou produzindo o FESTCINE AMAZONIA aqui e em Cuzco. O peru me encanta a cada vez que eu venho.
A regiao MAP ( Madre de Dios -Peru, Acre - Brasil e Pando - Bolivia), como coloquei no documentario è um mundo em transformacao. As obras na Estrada Interoceanica ou Estrada do Pacifico que liga o Acre atè o Porto de Ilo, no Oceano Pacifico - PE esta a todo vapor, o trajeto de Inapari , fronteria entre Brasil e Peru, até Porto Maldona està praticamente asfaltado. A construçao da carretera trouxe inúmeros impactos para a regiao, mas falo sobre isso em um post exclusivo, pois hà muito o que se falar...
Porto Maldonado me lembra Singapura, mesmo sem nunca ter estado là. Um transito estranhamente caótico, cheio de motocicletas e motocars coloridos. Muitas vezes, uma mesma moto carrega uma familia inteira, 5 a 6 pessoas.
O garimpo de diamante continua nas àguas do rio MAdre de Dios, poluindo suas àguas e a floresta com mercùrio e enchendo de esperanças coraçoes de papupèrrimos garimperios. Dizem que por aqui havia tanto diamante que na areia das contruçes das casas exitem diamante. Seria aqui o Eldorado ¿
Diariamente chegam avioes lotados de turistas europeus que seguem para Cuzco. Desembarcam em Porto para conhecer a selva amazonica. Uma ótima estratègia,se porto absorver pelo menos 10 % dos viajantes de cuzco terá um ótimo contigente de turistas por aqui, isso significa, muitos dòlares circulando na cidade. Puerto tem uma òtima infra estrutura para recebe los, com bons restaurantes e pousadas, alem de uma infinidade de passeios pela floresta. Pudessem os madereiros Peruanos aprenderem com os empresarios de turismo daqui entenderem que a floresta em pè tambèm pode gerar renda, lucro. A exploraçao madereira assusta, mas isso é uma outra história...
A simpatia dos peruanos de Madre de Dios è de impressionar, nos sentimos sempre bem recebidos. Um povo muito amistoso, sempre pronto para ajudar.

2 comentários:

coruja cinzenta disse...

Vai escrevendo que vou lendo, muito doida mesmo essa cidade de Puerto, amei conhece-la e volto com certeza.
Saudades amore,
vôe... vôe... mais alto amor, meu coração e minha alma te acompanha aonde vc estiver.
Sinto saudades, mas a cada momento que te vejo ir mais longe enche meu coração de alegria.
Siga a diante guerreiro, sua luta não é em vão.
Te amo muuuito

Intento

sérgio de carvalho disse...

vem logo coruja voar comigo